BANNER

 
| 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |



DÉCIMA TEMPORADA
Buffy the Vampire Slayer





New Rules


Spike acaba ficando em San Francisco, trabalhando lado a lado com Buffy novamente; os dois parecem que resolveram seus dramas, amadureceram, convivem como bons amigos... mas o vampiro continua amando a Caça-Vampiros.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e  Rebekah Isaacs




Quando ele e Buffy vão visitar o Detetive
Dowling - policial que trabalha com a Caça-Vampiros e Spike, que foi ferido por um zompiro e com quem Buffy estava pensando em sair - Buffy pede que Spike espere um pouco lá fora e fala para o Detetive que não quer nada com ele, pois sua vida é muito complicada para namorar um cara "normal", já teve um namorado assim (Riley) e não deu certo. Ele diz que tudo bem, bem depressa, o que deixa a garota meio ofendida... Buffy vai se queixar para Spike (!!!!) e reclama que para ela as únicas alternativas são ficar sozinha, machucar as pessoas que a amam ou ter relações disfuncionais e desastrosas (referindo-se a ela e Spike!). Assim que termina a frase, ela vê que falou bobagem e tenta consertar, dizendo que tanto ela quanto Spike estavam muito mal na época, que ele não tinha alma e que o que eles tiveram "não pode ser chamado de relacionamento". Pior a emenda que o soneto, como dizem. Spike fica magoado e imediatamente diz que precisa tomar uma cerveja; Buffy tenta retomar a conversa e ele diz

Bloody hell, mulher, nem tudo é sobre você
; às vezes um vampiro precisa beber uma cerveja. Vejo você mais tarde...

Buffy se congratula pelo fora que acabou de dar.



I Wish


Spike passa a dividir um apartamento com Xander, que está separado de Dawn (ela está morando com Buffy e Willow em outro apartamento no mesmo edifício). O vampiro tenta agir como se não estivesse mais apaixonado por Buffy, mas não consegue enganar Xander: Eu já a esqueci. Somos amigos. Temos um relacionamento maduro e respeitoso entre pessoas maduras do mesmo nível e é tudo muito maduro! Xander tem um de seus ataques de raiva (ele até está vendo um psicólogo por causa disso) e diz a Spike que é óbvio que ele ainda ama Buffy!



Return to Sunnydale

Uma nova ameaça ao livro Vampyr - que está sendo reescrito com as novas regras da magia - leva Buffy, Spike e Willow até os escombros de Sunnydale; eles estão atrás de Andrew, que roubou o livro para tentar ressuscitar Tara.

Buffy e Spike entram nos túneis que existiam sob Sunnydale e que não desabaram por completo com a destruição da cidade e acabam por chegar até o cemitério onde ficava a cripta em que Spike morava - e que a Caça-Vampiros costumava visitar frequentemente... Quando se dão contam onde estão, Buffy lança um olhar suspeito para Spike e diz para o vampiro

Não fique nostálgico porque temos
trabalho a fazer...

Spike, por outro lado, diz que isso não é problema, que uma das razões de ele não ter voltado a morar na cripta depois que conquistou sua alma é porque não gosta de lembrar de quem ele costumava ser. Buffy argumenta que lembrar os erros cometidos é uma coisa boa, para não cometê-los novamente. Spike fica magoado, pois acha que Buffy quis dizer que ele foi um erro, mas ela, vendo a reação dele em seu rosto, se desculpa na mesma hora, dizendo que o que acabou de falar soou tão errado- quando é interrompida pelo enorme monstro que está habitando o lugar, o Soul Glutton (Devorador de Almas), que, como o nome já diz, se alimenta de almas.

Em um breve intervalo na luta contra o Devorador, Spike pede a Buffy que o estaqueie se ele tiver sua alma consumida; Buffy fica horrorizada, diz que jamais fará isso, que se acontecer eles darão um jeito, restauram a alma e pronto. Spike responde que não nesse caso, pois sua alma seria destruída e ele
não quer voltar a ser o outro novamente. Buffy o tranquiliza, dizendo que Spike - o outro - não era assim tão mal:

Você - ele - salvou nossas vidas mais de uma vez, cuidou de Dawn, você me amava...


Spike no entanto diz que não amava, ele podia jurar que sim, mas que não era real, era um amor egoísta. Buffy não concorda, diz que pessoas normais podem ser bem egoístas e cita o exemplo de seu próprio pai (o pai de Buffy está ausente de sua vida desde que ela era uma adolescente). Ela ainda afirma que a bondade sempre existiu dentro de Spike e era tão forte que não precisava de uma alma para vir à tona.

Buffy e Spike são atacados novamente pelo Devorador de Almas e o monstro agarra Spike com seus tentáculos e diz que a alma dele é cinza e está comprometida e não serve para ser consumida (????), mas que ele vai consumir assim mesmo. Buffy chega a tempo, corta os tentáculos e libera o vampiro. Um pouco depois, Spike é agarrado novamente e Buffy vai resgatá-lo, ficando presa nos tentáculos também. Spike pede que ela se solte e corra, mas Buffy diz

Sem chance, o que quer que aconteça, acontece com nós dois!

O casal consegue escapar, mas Sunnydale - que já havia acabado em uma cratera enorme - começa a desabar novamente. Buffy se dá conta que não vai dar tempo de chegar à superfície, mas Spike diz que eles têm que tentar mesmo assim...

Os dois estão na mesma situação de anos atrás, quando, na Boca do Inferno, Spike estava usando o medalhão que iria destruir todos os Turok-Hans e Buffy, ao seu lado, vendo que não haveria salvação para Spike, disse que o amava (Chosen). Daquela vez, Buffy conseguiu escapar e Spike morreu; agora, os dois correm para tentar salvar suas vidas e Buffy - achando que não vão conseguir sair vivos dali - olha para o vampiro com carinho e o chama: Spike... parece querer falar algo importante (os dois correndo feito loucos para salvarem suas vidas e ela quer falar alguma coisa para Spike!!!) - mas neste exato momento, os dois são salvos por Willow, que, por magia, os resgata dos escombros e os leva para a superfície são e salvos. O que ela ia dizer para Spike????


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebeka Isaacs





Day Off (or Harmony in My Head)

De volta a San Francisco, Buffy, Willow e Dawn tiram uma folga e vão passar um dia em um spa. As três conversam sobre relacionamentos e Dawn comenta que a irmã pode estar deixando passar a oportunidade de ficar com Spike.

Mais tarde,
Spike está sozinho no apartamento e tem o livro Vampyr nas mãos; ele fala para si mesmo:

Cumprindo a profecia Shanshu, William The Bloody é restaurado em sua forma humana; ele e a Caça-Vampiros vivem juntos, com amor e felizes para sempre.


Xander, que está chegando em casa, escuta o que o vampiro acabou de dizer e Spike explica que na verdade, pela primeira vez, ele sente que está feliz, sendo apenas amigo de Buffy, que está pronto para seguir em frente, que se sente mais próximo a ela agora, do que quando faziam sexo e que os dois estão fazendo o que é melhor para ambos.
Neste exato momento Buffy chega para checar o livro e, como a porta está entreaberta, escuta o que Spike disse... ela vai embora completamente desapontada com o que ouviu. Quando Willow pergunta se está tudo bem com o livro, Buffy mente que Xander estava dormindo e que vai checar "mais tarde, não tem pressa". A impressão é de que ela não estava falando do livro...



Love Dares You


Em uma outra noite, numa conversa entre garotas regada a sorvete, Buffy, Willow e Dawn falam sobre seus problemas amorosos; Willow está tendo problemas de confiança com sua atual namorada Saga Vasuki (feiticeira com corpo de cobra) e Dawn reclama que a irmã está forçando muito a barra para que ela volte a namorar Xander. Buffy argumenta que acha que os dois formam um belo casal e Dawn aponta o óbvio:

Olha quem está falando! Eu daria tudo para ter o que você e Spike têm - uma camaradagem divertida e sexy!

Buffy retruca que entre ela e Spike "têm muita história", mas Dawn não quer nem saber:

Isso foi antes dele ter conseguido a alma; você deu uma chance ao Spike depois disso? Até parece que você realmente não quer ser feliz!

Dawn deixa a sala e Buffy o apartamento, brava por ter ouvido umas verdades...

No corredor, Buffy ouve Spike - o apartamento de Xander é no mesmo andar - dizendo que precisa sair para resolver "problemas urgentes referentes a um caso policial". O vampiro tinha acabado de chegar em casa com 6 gatinhos resgatados de um jogo de kitten poker e os deixou sob responsabilidade de Xander, até que ele, Spike, consiga lares para todos... Buffy pergunta a ele se o caso pede alguma violência e
se pode ir junto. O vampiro responde que sim e é claro que sim! e os dois vão até um cemitério matar alguns mortos que insistem em não permanecerem mortos. Lutam juntinhos, fazem piadas (ainda que sem graça), um casal sexy e divertido bem como disse Dawn. De repente, Buffy chama Spike; ele se vira para ela... ela o agarra pelo casaco e lhe dá um beijo!


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens
 
The Kiss



Spike fica totalmente surpreso com a atitude de Buffy - beijá-lo, assim do nada? Ela explica que eles nunca se deram uma chance, depois que o vampiro conquistou a alma e que se ele quiser, ela gostaria de tentar. Surpresa: Spike diz que não sabe se devem e Buffy reage dizendo que não está tentando brincar com ele. O vampiro pergunta se ela tem certeza e Buffy fica brava, acha que Spike a está acusando de querer magoá-lo. Spike argumenta que "não de propósito", mas reflete: quando ela o quis?

Quando eu era um segredinho sujo, algo que ia contra tudo o que você deveria representar. Xander sempre foi apaixonado por você, mas você só se interessou por ele quando ele revelou que estava apaixonado por Dawn... a mesma coisa com Angel: quando ele estava em Los Angeles trabalhando como detetive particular e poderia "brincar de casinha", você não o procurou - mas quando o vampiro se transformou em um deus louco (Twilight) a coisa foi diferente. E ainda dormiu com uma garota, mesmo não sendo gay!*

*Oitava Temporada

Buffy fica brava por Xander ter fofocado sobre ela ter se interessado por ele e sobre a garota. Segundo  análise de Spike, Buffy sempre quer aquilo que não pode ter. Então, se ele disser sim para o que Buffy está propondo, será que dali a um mês ela não vai ficar entediada e desenvolver uma paixão repentina por Andrew, Willow ou Giles? Depois de falar, Spike acha que exagerou no discurso, mas é tarde: Buffy diz que foi um erro a proposta e deixa Spike sozinho no cemitério.


Spike vai para casa e conta o que aconteceu a Xander. Xander o chama de idiota e Spike concorda que é mesmo. Xander fala que Buffy se abriu para o vampiro, baixou sua guarda e recebeu em troca rejeição, confirmando todo o seu medo de sempre acabar abandonada pelos homens de sua vida (começando pelo pai). Spike argumenta que Xander contou que fez o mesmo discurso para Buffy quando eles estavam no Tibete e a Caça-Vampiros descobriu sobre ele e Dawn, mas Xander retruca que no caso, ele estava apaixonado por Dawn e Spike está apaixonado por Buffy... Xander fala que Spike também é uma pessoa traumatizada - enquanto Buffy corre atrás do que não pode ter, Spike sempre é atraído por mulheres incapazes de manter um relacionamento: a louca Drusilla, Harmony e a própria Buffy quando estava em seu pior momento e odiava a si mesmo.*

*Sexta Temporada

Depois da conversa com Xander, Spike não perde tempo e vai pedir desculpas para Buffy, mas ela diz que não é necessário, pois ele tem razão. Que ela foi precipitada; que Spike significa tanto para ela, não só por estar sempre ao lado dela quando mais precisa, mas também para falar as verdades que ela tem que ouvir, como aconteceu no cemitério. Que a forte amizade que os dois têm agora foi uma grande conquista e que ela não quer perder isso. Spike concorda com tudo... mas diz que existe um problema nessa linha de pensamento: ele é apaixonado por ela. Buffy fica sem palavras; olha para ele com carinho e desejo e no minuto seguinte, lá estão os dois no apartamento de Spike derrubando as preciosas figuras de ação de Xander por todo o chão, se agarrando feito loucos a caminho do quarto... em outra sala, Dawn, Xander e o jovem Giles escutam a confusão que o casal está promovendo e decidem que Buffy e Spike devem estar "fazendo sanduíches"...

Depois de transarem, Spike está com medo de pegar no sono - porque Buffy pode não estar ao lado dele quando ele acordar no dia seguinte.*

*Foi o que aconteceu em Touched


HEARTMOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens

 Spuffy Love

Finalmente, Spike dorme. Infelizmente, tem um pesadelo assustador - ele acaba de matar um casal de namorados que passeavam na rua. Spike acorda apavorado, transformado em vampiro; ele senta na cama e tenta se acalmar, dizendo a si mesmo que foi apenas um pesadelo, nada mais. Ao seu lado, Buffy continua dormindo, com um belo sorriso no rosto.

Amanhece. Parece que depois do pesadelo, Spike não conseguiu voltar a dormir: ele está sentado na cama e tem um... gatinho no colo!*

*Um dos seis resgatados pelo vampiro em Love Dares You - Parte 1

Buffy acorda, olha com carinho para Spike e fala "hey!" Spike devolve o "hey!" e Buffy pergunta se por acaso ele não se tornou mau... e logo se desculpa:

Lugar e hora errada para mencionar um ex... boca um, cérebro zero! Nem é preciso dizer que não sou muito boa em "dias seguintes"...*

*Angel transou com ela e perdeu a alma... depois, Parker dormiu com ela e a tratou como lixo na manhã seguinte...


MOMENTO SPUFFY

Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens

Spuffy


Buffy docemente repete a pergunta e Spike diz que não, não está pior do que o usual... Buffy acha que ele está estranho, já estava antes mesmo dela falar qualquer coisa. O vampiro desconversa, apenas diz que foi um sonho ruim que teve. Os dois se beijam e Buffy comenta que é injusto vampiros não terem bafo matinal, mas Spike a consola dizendo que as vezes ele tem coágulos de sangue entre os dentes...

Spike pergunta para Buffy se ela tem algum compromisso, caso contrário eles poderiam "discutir" o estado de maldade dele... diz que não se sente mau, mas acredita que ultrapassou os limites... Buffy também acha que ele ultrapassou os limites durante a noite, mas só para ter certeza, eles deveriam "ir à campo e fazer um teste"... Neste momento, o celular de Spike toca; é o detetive Dowling chamando; o vampiro reclama que parece que todos os ex-namorados de Buffy querem sabotá-los! Buffy indignada diz que teve apenas um meio-encontro com Dowling, ele nunca foi seu namorado! Spike precisa ir checar um cena de crime com possível envolvimento de vampiros. Buffy oferece ajuda, mas Spike diz que é coisa chata, é só para ter certeza de que é um crime supernatural.

Quando Spike chega à cena do crime, a surpresa é grande e desagradável - o casal de jovens mortos (por mordida de vampiro) é o mesmo de seu sonho. Apavorado, Spike vai direto falar com Xander, em quem confia: ele conta sobre o pesadelo e o casal assassinado e Xander diz que eles precisam falar com Willow e Giles. Spike foi uma vez controlado pelo Primeiro Mal e matou muita gente sem saber* - e pode estar perigoso novamente.

*Buffy, Sétima Temporada

Spike pede a Willow, Giles e Xander que não contem nada para Buffy, até saberem exatamente o que está acontecendo com ele. Xander, para distrair Buffy, pede a ela que vá junto com ele falar com Andrew, enquanto Giles e Willow fazem diversos testes em Spike. Os dois nada descobrem e Willow então decide usar um feitiço de Sonolência em Spike; o que eles (Will e Giles) veem são dois vampiros em uma parte da cidade. Eles ligam para Buffy e Xander (que já tinham saído da casa de Andrew) e dão o endereço para eles, dizendo que tiveram uma informação sobre um ninho de vampiros no local, sem entrar em detalhes.

Buffy e Xander chegam no prédio abandonado e lá estão um casal de vampiros - o mesmo do sonho de Spike - e Buffy os mata. De repente o lugar começa a pegar fogo e os dois mal conseguem escapar - era uma armadilha! Xander, apavorado, diz a Buffy que tem uma coisa que ele deveria ter contado a ela...

No apartamento de Giles, Spike tem que enfrentar a fúria da namorada: por que ele mentiu para ela? O vampiro diz que foi por medo de perdê-la, mas que agora vai contar tudo. Mais tarde, Willow encontra Buffy sozinha, se consolando com um enorme pote de sorvete; ela pergunta se a Caça-Vampiros terminou com Spike, e Buffy diz que não - parte dela queria, mas ela tem essa mania de fugir das coisas, se punir, se sentir como se não merecesse ser feliz.

Ele me faz feliz. Ele realmente se importa comigo. Eu gosto de quem sou quando estou com ele. Eu gosto do que somos quando estamos juntos. Então, não vou me precipitar desta vez. Vou descobrir o que ou quem está fazendo isso com Spike... e vou derrotá-lo. E então, vou saber se Spike é quem eu espero que seja... ou quem eu temo que ele seja.



Relationship Status: Complicated



Buffy, Spike, Willow, Xander, Dawn e Giles estão reunidos no apartamento deste último; a ideia de Willow é fazer um feitiço para examinar a mente de Spike e determinar exatamente qual é o inimigo com quem eles estão lidando. A criatura deve ter uma ligação com Spike, pois o vampiro não só está vendo os assassinatos cometidos por ela, como está se vendo cometendo-os.

Para isso, alguém do grupo terá que "entrar" na cabeça do vampiro para coletar informações e Spike pergunta a Xander se ele poderia fazer isso; Willow, no entanto, explica que terá que ser alguém com força supernatural, pois ao enfrentar quem quer que seja o inimigo, esta pessoa correrá até risco de vida. Ela própria e Giles terão que fazer o feitiço, então só resta... Buffy.

Spike fica desconfortável com a ideia da Caça-Vampiros rondando seus mais íntimos pensamentos e insiste que seja Xander; Buffy pergunta qual é o problema em ser ela e Spike explica que a cabeça dele é uma bagunça e tem coisas que ele não gostaria que a namorada visse...

Buffy diz que se sentiria do mesmo jeito e que sabe o que ele fez quando não tinha uma alma e Spike diz que uma coisa é saber, outra é sentir. Buffy promete que não vai ficar espiando as memórias dele, não mais do que o necessário, e Spike pergunta "e se você não gostar de como eu sou realmente?" Buffy argumenta que pessoas já morreram e podem haver ainda mais vítimas e o cara que Spike é agora jamais permitiria isso - e o namorado concorda que não há outro jeito... antes de começaram o processo, Buffy chama Spike, lhe dá um beijo e diz "Boa sorte!"


MOMENTO SPUFFY

Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs


kiss


Guiada por Willow Buffy entra na mente de Spike. A princípio, ela não entende o que está acontecendo; ela se vê no quarto de Spike - dois gatinhos brincam perto da mesinha de cabeceira - e Willow diz que é por causa da memória mais recente e mais importante que Spike tem, e logo Buffy constata que é o caso: ela se vê na cama, transando com Spike... A Caça-Vampiros fica sem jeito em ver a cena "de outra perspectiva"...

De repente, Buffy diz a Willow que está sentindo uma onda de emoções chegando - ela vê Spike em diversos momentos recentes: ele com o livro Vampyr nas mãos (pensando que poderia estar escrito ali que ele e Buffy poderiam ser felizes para sempre), ele com os 6 gatinhos que resgatou, ele falando com o amigo Dowling, a recente conversa dele com Buffy na cratera de Sunnydale. A Caça-Vampiros diz que está sentindo o que Spike sente. Muito emocionada, Buffy diz

Ele, ele... realmente me ama, Will. Eu posso sentir. Não é um amor puro de livro de romance... tem medo e desejo... dúvida sobre si próprio, de que ele não merece isso... uma vontade de fugir... que se machucar agora é melhor do que mais tarde. Algumas vezes eu o deixo maluco. Às vezes ele pensa que estaria melhor com outra pessoa. Ou sozinho. As mesmas coisas que eu sinto às vezes, também, mas nunca falei. Mas tudo isso é temporário. Transitório. O que fica, o que está sempre lá é... amor.

Buffy chora de emoção.

Buffy continua a jornada, dizendo que está se aproximando das memórias de quando Spike deixou a cidade no ano passado - e o que vê a deixa um tanto quanto furiosa: Harmony segurando um par de algemas...

PQP, ele dormiu com Harmony?!!!

Willow lembra a Buffy que eles não estavam juntos na época e a amiga reclama que Will não tem que ver o que ela está vendo, é Harmony demais para o gosto dela! Willow diz que Buffy não está viajando no tempo, mas através das memórias de Spike; pede a Caça-Vampiros que olhe para Harmony mais uma vez e depois veja ela própria, e sinta a diferença. Quando Buffy o faz, ela fica até sem jeito: para Spike, sua amada Caça-Vampiros é perfeita e há até uma aura brilhante ao redor dela!

Outro momento que Buffy vê é quando Spike recebeu sua alma de volta. A dor foi insuportável - ela a sente por completo - e mais uma vez, fica impressionada pelo que o vampiro fez por amor a ela:

E ele escolheu isso, Willow! Mesmo sem uma alma, ele optou por passar por isso... por mim.

Após descobrir quem é o inimigo que estão enfrentando no momento - Archaeus - Buffy e Spike acordam.


 Giles explica que o nome significa "antigo" e que ele o reconhece: foi quem transformou o Mestre em vampiro. Xander relata que um vampiro nasce quando a essência de um demônio entra no corpo do humano morto e pergunta se isso significa que quando o Antigo faz isso, não seria sempre o mesmo demônio que- Giles conta que é a teoria mais aceita pelos Guardiões, significando que a mesma essência entrou no Mestre, em Darla, em Angelus, em Drusilla e em Spike... o que explicaria o motivo de Spike ter tido o sonho e de ter se visto cometendo os crimes.

Ainda meio tonta, Buffy comenta:

Angel... e Spike? Eu literalmente me apaixonei pela mesma pessoa duas vezes?

E Spike:

Dru, também? Eu transei comigo mesmo?

E, se dando conta do que a namorada acabou de dizer, ele olha para  Buffy e perguna:

Você disse se apaixonou?


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

LOVE

Buffy disfarça, olha para o lado... ela ainda não está preparada para enfrentar aquilo que todos nós já sabemos a tantos anos: ela ama Spike!

Antes de saírem para enfrentar Archaeus - ele está em San Francisco, como Buffy descobriu viajando na mente de Spike - o vampiro pede para falar com Buffy:

Sobre o que você viu...

Buffy o tranquiliza:

Você estava certo. Tinha muita coisa ruim. E algumas coisas tão lindas, que valem mais do que um séculos de coisas ruins. Vou ser honesta: preciso processar tudo o que vi e vai levar um tempo para eu saber como me sinto. Quando eu souber, eu falo pra você.

No porto de San Francisco, Buffy, Spike, Willow, Giles, Xander e Dawn enfrentam Archaeus, que manda Spike matar a Caça-Vampiros. Spike grita que não funcionará com ele, pois, apesar dele ter uma parte nojenta de Archaeus dentro de si, ele tem uma alma e isso sempre prevalecerá. Archaeus diz que vai testar esta teoria: então fere Buffy e ela sangra; ele manda Spike sentir o cheiro do sangue da Caça-Vampiros, pois não há nada igual no mundo. Buffy diz para Spike que ele pode lutar contra isso, que ele já passou por coisas piores e Spike responde que não vai ceder. Buffy reforça que sabe que a última coisa que ele faria seria machucá-la. Spike, neste momento, esconde sua face com as mãos, apavorado... e diz para Buffy correr. Ele então se transforma em vampiro e a ataca.

Spike está em cima de uma Buffy ensanguentada, com Archaeus o incitando mais e mais - na mente do vampiro, ele se vê matando as duas Caça-Vampiros (na China em em Nova Iorque), com Archaeus o lembrando quanto era bom matar. A Caça-Vampiros quase já não consegue mais se manter longe das garras e dentes do vampiro; Xander implora a Willow que quebre o controle de Archaeus sobre Spike e a bruxa diz que está tentando, mas está difícil... Com Spike em cima dela, Buffy reafirma que ele é capaz de quebrar o controle que Archaeus tem sobre ele, por causa de sua alma, mas parece que de nada adianta; Buffy está desesperada:

Por favor, eu não sei como parar você sem te matar...

Archaeus continua tentando Spike, ele volta às suas lembranças de quando matou a Caça-Vampiros chinesa, de como era bom, mas nestas lembranças, uma coisa está diferente: Buffy está nela, olhando horrorizada para a cena. No breve momento que a visão da namorada o distrai, Buffy consegue se livrar de suas garras usando a Foice. Mas logo, o vampiro ataca novamente; Dawn vendo a irmã em perigo, diz para ela que Spike vai matá-la, que ela deve lutar contra ele - e Xander, ainda que a contragosto, concorda. Buffy diz "desculpe" e parte para cima de Spike com a parte de madeira da Foice, a fim de estaqueá-lo - mas na última hora, muda de ideia, muda a posição da Foice e Spike morde o cabo. Buffy fala que não vai machucar Spike, que não é hora ainda.

Você não é meu inimigo Spike. Nós... nos gostamos. Nós confiamos um no outro.

Neste momento, Buffy mostra a confiança que tem em Spike - ela deixa a Foice cair no chão:

Eu não posso matar você. E eu sei que você não vai me matar. Lembre-se de quem você é Spike. Eu vi. Eu vi você. Você é melhor do que isso. Eu aposto minha vida.

Spike então a agarra e mira seu pescoço - ele vai mordê-la. Mas novamente, em sua mente, ele compara os assassinatos das duas Caça-Vampiros e sua doce Buffy observando horrorizada. Ele vê tristeza em seus olhos. Ele lembra do amor. E o controle de Archaeus se desvanece:

Eu não sou você... eu não pertenço a você. Eu não sou marionete de ninguém, nunca mais.

Spike ataca o surpreso Archaeus com a Foice que ele pegou do chão, pedindo desculpas pelo momento de fraqueza e assegurando de que não vai acontecer novamente. Archaeus está furioso, chama a todos de idiota, dizendo que é um Lorde do Inferno e consegue jogar Spike para longe; a Foice cai nas mãos de Buffy; os Scoobies estão lado a lado agora, Dawn entrega a espada para Spike e Buffy declara:

Nós somos uma família!

Archaeus responde que então eles vão morrer juntos. Mas os Scoobies conseguem escapar - Xander tem a ideia de derrubar com magia as colunas que sustentam o galpão, soterrando assim Archaeus.

Spike e Buffy estão deixando o lugar e o vampiro quer falar com a namorada sobre o que acabou de acontecer. Ela diz que está tudo bem, que ele se libertou do controle, que ela sabia que ele conseguiria. Spike diz que ele foi levado a recordar os velhos, tempos, os triunfos de quando era mau. Ele diz que gostaria de falar que ficou horrorizado com tudo, mas que isso seria uma meia-verdade, pois ele sentiu também a emoção de matar, da caça; que esse é o segredo: ter uma alma não o faz esquecer do desejo.

Mas eu vi você lá, por causa da viagem que você fez em minha mente. Eu vi o jeito que você me olhou. Isso me lembrou de quem eu sou agora, de quem eu quero ser. E de repente, o desejo não importava mais. Aquele demônio estava certo: ele é dono de uma parte de mim, mas da outra, eu sou. E você me deu força para mantê-la. O que quer que aconteça a partir de agora... se você não quiser mais nada comigo, depois do que você viu... eu nunca vou poder te agradecer pela força que você me deu.

Buffy responde, tocando seu rosto:

Eu não te dei nada do que você não tenha me dado.

Eles se dão as mãos e começam a caminhar.

Todos os dias.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs




Mais tarde, já em casa, os Scoobies chegam a conclusão que Archaeus é um poderoso inimigo e vão precisar toda a ajuda possível. Como Archaeus tem influência sobre os seus "filhos", a lembrança de Angel é inevitável. Eles tem que avisá-lo sobre o que está acontecendo - com o que Spike concorda, mesmo a contagosto.

E é ele mesmo quem liga para Angel, em Londres. Giles está ao seu lado e diz que sabe como o vampiro se sente e Spike reclama que Buffy "sempre escolhe ele, sempre". Giles diz que recentemente, no entanto, ela o mandou embora; Spike responde

É, por ter te matado. E agora você está vivo novamente. Muito obrigado.

Giles dá um conselho a Spike, dizendo para ele imaginar um Giles adulto e não um adolescente de voz fina: a melhor maneira de Spike enfrentar a situação é se mostrar em sua melhor forma. Se conduzir de uma maneira madura e educada. Ao que o vampiro responde:

Maturidade e educação. Certo.

Spike tecla os números e fala

Alô wanker!

Do outro lado da linha quem atende é Angel...

A essas alturas eu já devia ter bloqueado o seu número!


 
Old Demons


Spike está nervoso com a iminente chegada de Angel, mas Buffy o tranquiliza dizendo

Uma força cósmica que fez com que nós pudéssemos voar, mover montanhas e mudar as correntes marítimas queria nós dois juntos para sermos os pais de um novo universo. Destino, fatalidade, magia suficiente para criar novos mundos e, apesar de tudo isso... eu disse não e abandonei tudo.

Ela continua, dizendo que Angel é parte do seu passado. O que ela é agora... Spike faz parte disso; a presença de Angel não vai mudar nada. Spike fica mais sossegado e os dois se beijam.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs




Angel chega a San Francisco e não gosta nada de saber que Buffy está namorando Spike. É a primeira vez que ele e a Caça-Vampiros se encontram após o desastre que foi Twilight - quando Angel aceitou se passar pela entidade, perseguiu Buffy e seus amigos, causou a morte de centenas de Caça-Vampiros e finalmente matou Giles. Buffy e os Sccobies o perdoam por tudo - mas Angel já perdeu seu lugar no coração da Caça-Vampiros...

Os Scoobies vão caçar Archaeus; Buffy os divide em grupos: ela escolhe ficar com Spike e Andrew, enquanto Angel é despachado com Willow e Giles. Mesmo assim, Spike se mostra inseguro com a presença do rival: ele comenta para Buffy que ela estava certa em como montou os grupos; que ele pode até simpatizar com a situação de Angel - pois não é fácil ver uma alguém cuja vida você esculhambou tendo uma ótima relação com outro cara...

Quero dizer... as diferenças entre ele e você e você e eu são... infinitas... OK, superficialmente, somos ambos vampiros com almas... com a essência do mesmo demônio em nós... lutando contra as forças do mal. Mas olhe mais fundo e...

Spike pensa um pouco e só o que tem é

Bem, para começar, eu sou inglês e ele é irlandês! Dia e noite!

Buffy se irrita e manda o namorado ficar de guarda e segue em frente...

Mais tarde, após o confronto com Archaeus - que também conseguiu tomar controle de Angel, que só saiu do transe com a ajuda de Spike - Angel, antes de ir embora, tem que ver Buffy carinhosamente cuidando dos muitos ferimentos infligidos em Spike por Archaeus...


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs






Triggers


Buffy e Spike são chamados pelo detetive Dowling para investigarem um caso que parece ser supernatural: Jean Anthony alega ter sido agredida sexualmente, mas não houve violência - o que ela própria reconhece. Assim que ouvem a história, Buffy e Spike imediatamente chegam juntos a conclusão que se trata de um incubus. Spike explica para Jean que é um tipo de demônio que se alimenta da energia vital através do ato sexual e que tem habilidades mais do que hipnóticas - e ela compreende porque, mesmo sentindo que o que estava acontecendo não era certo, não pode fazer nada a respeito.

Enquanto a garota conversa a sós com Buffy, Dowling comenta com Spike que finalmente ele e Buffy estão juntos, o surpreendendo; o vampiro quer saber se está muito evidente e o policial diz que é um detetive treinado... Spike pergunta se existe algum problema em relação a isso e o Dowling diz que pelo contrário, que sempre se perguntou porque os dois não estavam namorando. Spike diz que eles têm muita bagagem, não apenas entre eles, mas em relação a relacionamentos em geral - parece que nunca acabam bem. Dowling comenta que, pelo que Buffy lhe contou, ela parece ser uma pessoa que se afasta quando percebe que as coisas estão ficando sérias. Spike acrescenta:

Isso quando ela não enfia uma espada no cara... minha ficha também não é muita limpa, é claro...

Mais tarde, no apartamento de Buffy, Willow e Dawn, a Caça-Vampiros está no chuveiro quando Spike entra no banheiro falando que pesquisou na Internet e viu que o incubus anda atacando no bairro Mission já há algumas décadas; é um tipo de demônio que não teme a luz, mas que prefere atacar durante a noite. Do chuveiro, Buffy diz que estará pronta em um minuto. Spike pergunta se ele pode se juntar a ela, pois está "precisando de um banho também", mas Buffy diz que já terminou. O vampiro estão se aproxima e abre a cortina, falando que tudo bem, ele vai entrar antes que a água fique... Buffy é pega de surpresa e chuta o namorado para longe ...fria.

Bloody hell, Slayer!

Imediatamente, ela sai do chuveiro (não sem antes vestir o roupão) e corre até Spike, que está caído ao lado da pia, onde bateu a cabeça. Ela pergunta se ele está bem e gagueja que ele a pegou de surpresa, que agiu por instinto... Spike concorda, mas lembra que ela vestiu o roupão antes de vir até ele. Acrescenta que é uma coisa natural, devido ao caso em que eles estão trabalhando no momento... Buffy discorda:

Não, não é, é o oposto de natural. O que aconteceu em Sunnydale...* não foi você. Não você você. Nós já conversamos sobre isso!

*Seeing Red/Buffy Sexta Temporada

É. Naquela época eu era um monstro brincando de ser homem. Não fui muito bem sucedido. Agora eu tenho uma alma. Novas regras. Mas encarar o passado não faz com que ele deixe de existir, não é mesmo?

Buffy apenas diz que está ficando tarde e eles devem ir, antes que alguém mais se machuque. No Centro onde Jean trabalha, eles conseguem matar o incubus - que havia voltado ao lugar para terminar o serviço: matar Jean.

De volta ao apartamento, Spike quer falar sobre o que aconteceu mais cedo no banheiro e Buffy pede apenas que ele nem continue:

Você está prestes a fazer um discurso sobre o quanto você se arrepende, o quanto você é horrível, como se estivesse se desculpando, mas na verdade está focando em você mesmo. Certo? Spike, me escuta. A gente já conversou sobre isso mais do que uma vez. Mas alguma coisa ruim aconteceu comigo. Muita coisa ruim aconteceu comigo. Eu morri. Eu perdi minha mãe. Meu pai basicamente me repudiou. Tudo isso ainda me afeta. Mais do que o que o seu antigo... mais do que o seu ataque. Mas às vezes, aquele momento volta, também, como todas as outras coisas. Faz parte de quem eu sou. Vem com o pacote. Só é um problema quando você espera que eu diga que tudo está bem todas as vezes. Porque eu preciso lidar com isso sozinha, do meu jeito.

Spike, sem jeito, fala

Eu... gostaria de ajudar, se pudesse...

Buffy explica o que ela precisa:

Você poderia perguntar. Toda vez vai ser diferente. Algumas vezes eu posso querer que você se afaste. Sem ficar todo arrasado por causa disso. Apenas me de um tempo.

Spike entende e sinaliza que está saindo:

Certo. Perfeitamente entendido... Eu vou-

Mas Buffy o interrompe:

E às vezes eu vou precisar disso.

E corre para os braços do namorado.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens





In Pieces on the Ground - Parte 1

Buffy e Spike continuam tentando resolver o problema das invasões demoníacas em nosso mundo, além da preocupação com uma tríade de vilões que ameaçam o planeta: o Devorador de Almas, o Escultor e a Mestra - sempre juntinhos, rodeados pelos gatos de Spike e Xander...

Por recomendação do exército americano, o casal procura Harmony e a vampira da nova geração Vicki para fazerem um acordo de cooperação - mas para a comunidade vampiresca aceitarem a trégua, Spike e Buffy devem passar por um teste: cada um deve enfrentar um oponente (vampiro) no octógono. As duas vampiras aproveitam a ocasião para tentarem separar o casal, trabalhando suas dúvidas e inseguridades sobre a relação; Harm diz a Spike que ele idealizou Buffy como a mulher perfeita e agora está tendo dificuldade em lidar com a mulher real:

Olhe para ela... você não aguenta uma mulher como ela... dou pra vocês um mês no máximo. Você não venerava Buffy (diz Harmony cinicamente), não a idealizava como um ideal perfeito de mulher, algo impossível de se alcançar; alguém que nenhuma pessoa real poderia ser. Você não está começando a notar que muito do que você amava era apenas uma fantasia... agora que a realidade está desabando sobre você... não que você admitiria isso para mim, ou para você mesmo. Eu te conheço muito bem. Você vai fazer de tudo para afastá-la, para deixá-la infeliz, para machucá-la... para que ela termine com você. Então poderá bancar o mártir, o herói romântico que foi abandonado pela mulher que amava. Como aconteceu com Drusilla e com aquela outra cuja foto eu achei em um dos seus livros de poesia... de quando você era humano... parece que o nome dela era... Cecilia?*


e Vicki diz a Buffy que ela logo vai se cansar do vampiro e vai acabar deixando-o:

Você é do tipo de garota que quer o que não pode ter e se entendia com o que pode. Mas você tem uma saída. Só precisa fingir ficar muito chocada quando ele começar a mostrar como ele é realmente; diga que ele se tornou mau, enfie uma estaca nele, o mande para o inferno.

Tanto Spike quanto Buffy deixam o lugar meio abalados, mas não conversam um com o outro sobre o que aconteceu.

MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

Spuffy



In Pieces on the Ground - Parte 2

Buffy e Spike vão a uma exposição de arte de uma amiga - isso mesmo, amiga humana - de Spike, Dylan. O vampiro conheceu Dylan alguns anos atrás*, quando salvou sua vida e de um grupo de crianças de um demônio sequestrador, e ele acabou sendo a inspiração para que ela lutasse pelo que ela mais queria em sua vida: a pintura.

*Spike: Into the Light


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

SPUFFYSPUFFY

In Pieces on the Ground - Parte 3

Como a luta contra a invasão dos demônios está cada vez mais difícil, Buffy concorda em dividir a tarefa de proteger nosso mundo com o Conselho Mágico de D'Hoffryn - selado o acordo, a Caça-Vampiros se pergunta se foi a coisa certa a se fazer. E quando Giles decide passar um tempo no Reino das Fadas, ela questiona como seria abandonar por completo a tal chamada "vida normal".


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens

SPUFFYspuffyspuffy

In Pieces on the Ground - Parte 4

Buffy ainda está preocupada com o fato de Giles estar no mundo das fadas; quando ele volta - trazendo  com ele uma namoradinha - os dois brigam, porque Giles quer abrir um portal em sua casa para facilitar suas idas e vindas ao Reino das Fadas e Buffy não concorda. Spike tenta acalmar Buffy, dizendo que ela está certa em não querer abrir portais em qualquer lugar, mas que ela também deve aceitar que as pessoas acabam se distanciando uma das outras, que isso se chama viver.

A tríade de vilões - Mestra, Escultor e Devorador de Almas - abre um portal usando a Porta Inquieta e os Scoobies vão até o local tentar fechá-lo; quando os vilões vêem que estão em apuros, a Mestra destrói a Porta, o que deixará o portal permanentemente aberto. Quando o Devorador ataca Dawn, no entanto, todos descobrem que ela tem uma alma muito especial: o poder da Chave continua nela. Giles então sugere que Dawn pode ser "usada" para fechar o portal para a dimesão infernal de Anharra.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens

spuffy


In Pieces on the Ground - Parte 5

Todos, a princípio, ficam chocados com a ideia de Giles em usar Dawn para fechar o portal; mas a garota entende que é seu dever, que aprendeu isso com a irmã - se ela não o fizer, a dimensão infernal de Anharra vai se expandir e acabar dominando toda a Terra. Buffy acaba concordando com Dawn e, orgulhosa da irmã menor, a deixa seguir para Anharra (com Xander) e fechar o portal definitivamente. E Spike fica horrorizado com a decisão da namorada.

MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Megan Levens

SPUFFY

 
Own It
- Parte 1: Home Sweet Hell

Enquanto Dawn e Xander estão se virando bem em Anharra, as coisas na Terra não vão mal: Buffy está nervosa porque deixou sua irmã partir para uma jornada desconhecida em uma dimensão infernal e desconta isso em cima de todos, inclusive do namorado; já Spike não deixa de estar ainda ressentido com a decisão de Buffy. Para piorar as coisas, D'Hoffryn rouba o livro Vampyr dos Scoobies - é ele o grande vilão da temporada.

MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

spuffy


Own It - Parte 2: The Centre Cannot Hold

Buffy continua nervosa e brigando com todo mundo; quando ela e Spike vão interrogar alguns vilões para tentar encontrar um caminho para Anharra - o que parece ser uma jornada impossível - ela traz à tona o nome de Angel. É a gota d'água para Spike; ele decide que os dois devem se separar antes que magoem um ao outro demais.

MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

spuffy


Own It - Parte 3: Taking Ownership


Buffy não acredita no que acabou de ouvir:

Você está terminando comigo... agora?

Spike continua:

Desculpe, mas acho que uma das razões de D'Hoffryn ter nos enganado é porque estavamos muito ocupados com nossos próprios problemas. Vamos ser honestos, Caça-Vampiros: nós estamos tendo problemas.

Spike diz que os dois não pararam para pensar nas complicações que um relacionamento entre eles apresenta, que existem coisas que Buffy quer da vida e que ele não pode proporcionar a ela, que ele disse uma vez que queria "normal" com ela, mas que ele não pode ser normal... que os dois não podem envelhecer juntos, não podem ter filhos, se um dia Buffy quiser tê-los.

Eu estava enganando a mim mesmo, não é? Quando eu ainda estava vivo, tanto tempo atrás, eu tinha essa noção de que o amor verdadeiro conquista tudo. Mas no fundo, eu sempre soube. Isso é uma fantasia.

Spike continua dizendo que assim que ele e Buffy voltaram a se relacionar, a cabeça dele  ficou uma bagunça e que então seria melhor terminar agora, que mais tarde vai doer mais, que talvez seja a coisa mais fácil de se fazer. A resposta de Buffy?

Sabe de uma coisa? Não.

E completa dizendo que não tem tempo para lidar com isso agora e que todo esse tempo em que estiveram surrando demônios na tentativa de conseguir alguma informação eles só ouviram que D'Hoffryn não pode ser vencido e que isso lhe deu uma ideia - ela então entrega uma espada para Spike e diz que para pô-la em prática, ela precisa ir a alguns lugares e precisa de Spike junto dela.

Então, você vai ou não?

Spike, meio perdido diante da reação de Buffy, diz que sim e pergunta onde ela pretende ir; Buffy diz que contará no caminho.

Depois de fazer uma visitinha a uma vilã conhecida dos dois, na saída, Buffy diz para Spike que esteve pensando sobre o que ele disse - é o salão de entrada de um grande edifício, cheio de demônios circulando por perto - e Spike pergunta se ali seria o lugar certo para se falar sobre o assunto... mas Buffy nem deixa ele terminar a frase:

Seria bem mais fácil se a gente terminasse agora.

Buffy continua dizendo que seria fácil como deixar D'Hoffryn no controle da escrita das novas leis da Magia, ao invés de fazerem isso eles mesmos. E diz que é um alívio ouvir que Spike tem dúvidas, porque ela as têm, também. Nosso instinto é fugir, é o que fazemos quando ficamos muito próximos a alguém, mas que isso não é o certo. Que ela e Spike podem ter muitos problemas, mas que ela e Riley também tinham, e que não conseguiram superar - justamente porque ele era uma "pessoa normal". A possibilidade de ter filhos e jantares e envelhecer juntos não adiantou nada. Com Spike, ela não tem as mesmas preocupações, mas sabe que existem outras - mas entende que as coisas nunca serão perfeitas. E tem muita coisa boa, também... Spike quer saber o que ela está querendo dizer exatamente e Buffy responde que só está pensando alto e que eles devem seguir em frente e deixar o drama para mais tarde.

Assim que saem da visita que fizeram à vampira Vicki, Buffy continua de onde parou em sua séria divagação em relação a ela e Spike:

Então, como eu estava falando...

Ao que Spike responde:

Que bom que você esperou até sairmos do clube...

Ela explica que está usando a viagem para pensar em muitas coisas, coisas que geralmente evita - e acha que os dois juntos é algo que ela não quer perder sem lutar por eles antes. Ela não está querendo dizer que eles devem ficar juntos se estiverem infelizes, ou que devem se casar, mas que eles deviam tentar fazer a coisa que mais os assusta:

E isso me assusta. Mas eu gostaria de tentar superar as coisas difíceis, sermos honestos um com outro sobre elas, mas não deixar que atrapalhem as coisas boas. Se não der certo... nos machucaremos, será difícil, será nossa culpa. Mas chega uma hora em que ou enfrentamos nossos medos e saímos de tudo mais fortes... ou deixamos a vida escapar entre os dedos. Então, eu quero tentar, se você quiser. Peloamordedeus, diga alguma coisa.

É a vez de Spike de ser completamente sincero:

Fui muito injusto com você. Fiz de você este... este símbolo de tudo o que eu precisava - salvação, redenção, amor, uma razão para continuar, para ser melhor. A solução para todos os meus problemas. E por mais egoísta que fosse, eu precisava disso. Mas agora não preciso mais.

Buffy fica desolada por um segundo.

Eu quero tentar, também. Não ficar com um símbolo, algo que ninguém poderia ser, ou deveria ser. Eu quero ficar com você.

Buffy olha para Spike com todo o amor e então eles se beijam.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

spuffyspuffyspuffy


Own It - Parte 4: Vengeance

A batalha final se aproxima - o inimigo é D'Hoffryn e seus Demônios da Vingança, entre eles uma cópia de Anya e Jonathan em uma nova versão. O Lorde dos Demônios da Vingança - depois de falhar em escrever no livro Vampyr uma lei que lhe daria poderes absolutos - ataca os Scoobies e decreta a morte de... Xander.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

spuffyspuffy


Own It - Parte 5:  It's On You

Na verdade, Anya não matou Xander, apenas o fez desaparecer; ela usou o truque para se vingar de D'Hoffryn, que a criou somente para usá-la contra os Scoobies; furioso, D'Hoffryn a mata. No final, os Scoobies acabam matando D'Hoffryn e decidem ficar responsáveis por escrever as novas Leis no livro Vampyr, formando um novo Conselho Mágico com humanos e seres sobrenaturais. Buffy será a líder - mas frisa que não quer que a nova tarefa tome todo o seu tempo porque ela agora tem uma coisa mais importante para se dedicar: sua relação com Spike.


MOMENTO SPUFFY
Uma cortesia de Christos Gage e Rebekah Isaacs

spuffyspuffyspuffyspuffy



FIM



CONTINUA! Temporada 11!